Demissões em massa na área de tecnologia | Entenda as causas

As demissões em massa na área de tecnologia tem dois culpados: o cenário econômico e a implementação forçada, porém necessária, do home-office.

Apesar de ser uma área que segue em uma ascensão contínua, o setor tecnológico tem passado por uma fase complicada, o que resultou na recente onda de demissões em massa na área de tecnologia.

Dentre os motivos, temos em primeiro lugar a chegada da Covid-19, vírus responsável pela pandemia que vem assolando a humanidade desde o início de 2020, como um dos principais fatores para a onda de demissões em massa na área de tecnologia.

Com os impactos na sociedade evidentes, entre eles a onda generalizada de demissões, a humanidade foi obrigada a adaptar o funcionamento dos mais diversos setores. O que feito com descuido, não poderia gerar resultados diferentes. 

Entenda o motivo por trás das demissões em massa na área de tecnologia
Entenda o motivo por trás das demissões em massa na área de tecnologia | Reprodução: Freepik

Com isso, a segunda grande razão para as demissões em massa na área de tecnologia entra em evidência, uma vez que a pandemia a todo vapor, as empresas foram obrigadas a implementar o famigerado home-office.

Ainda que os resultados iniciais tenham sido positivos, por essa implementação ter sido realizada como uma necessidade e não uma oportunidade, as fragilidades logo se tornaram evidentes.

Falta de capacitação dos funcionários para o home-office

Apesar de ser um fato que uma série de empresas já trabalhavam com o home-office como uma opção viável, a grande verdade é que a maioria das companhias nunca havia cogitado este tipo de operação.

Mesmo que se leve em consideração que o home-office era um futuro inevitável, este tipo de evolução tem de ser feita de forma cadenciada. Entretanto, com a vida dos funcionários em jogo, as empresas não tiveram tempo de realizar essa mudança de forma cuidadosa.

Logo também ficou claro a falta de preparo de muitos dos profissionais do setor para lidar com essa realidade tecnológica. Por isso, inúmeras companhias passaram a contratar indivíduos sem preparo para o mercado de trabalho, que logo foram demitidos.

No entanto, não foi apenas o home-office, falta de capacitação e a pandemia de Covid-19 responsáveis pela onda de demissões em massa na área de tecnologia, outro grande “culpado” por este advento é o cenário econômico.

Economia mundial em decline

Como foi estabelecido anteriormente, a pandemia afetou todas as engrenagens da sociedade mundial, inclusive a área econômica. Em países que já não estavam com uma economia forte e quase inabalável, como é o caso do Brasil, o impacto foi ainda mais cruel.

A alta dos juros fez com que os investidores ficassem com medo, e por isso, passaram a realizar investimentos menores e de menor risco, o que fez com que inúmeras startups de tecnologia ficassem de lado.

Por consequência, essas pequenas organizações quebraram e se viram obrigadas a contribuir para onda de demissões em massa na área de tecnologia. Por fim, é possível inferir que a principal consequência dessa situação é o fato de que as empresas passaram a reduzir o número de contratados para esses cargos.

Não há ainda indício de que as demissões em massa na área de tecnologia diminuam, tampouco de uma estabilidade futura na economia brasileira e global. Por fim, basta aos empregados manter economias para eventuais contratempos e aguardar atualizações.

Veja mais sobre as notícias do mundo tecnológico no Blog Nixem